S6L Xperience – Visão de um técnico de Monitor

A Convite da Quanta Live a Gigplace foi para LAS VEGAS conhecer a nova console da AVID a S6L o site já havia feito uma review baseada no pré release distribuído na reunião de apresentação da console LEIA AQUI. Porém hoje vi a console pessoalmente e eis minha impressões sobre o novo produto.

Todos aqueles que usaram as VENUE no passado para fazer monitor sempre acharam que  a superfície e workflow da mesa não foi pensado para fazer esta função. Nesta nova console isto já não acontece, o novo conceito de workflow da superfície é amigável com quem faz monitores e num só pacote engloba características que irão agradar mesmo aqueles que sempre tiveram ressalvas quanto as consoles VENUE.

 

 

 

Veja abaixo as principais características da nova superfície

  • Banco de Rotary Encoders Inteligente: 32 encoders por banco ( veja foto ) permitem o acesso direto aos auxiliares sem a necessidade de flip to fader, este mesmo encoders assumem o controle da função selecionada seja ela , dinâmicos ,

  • Solo Spill: selecionando uma via os elementos da mix serão automaticamente distribuídos nos faders

  • Você agora pode selecionar um canal e mandar o mesmo para cada AUX via banco de encoders, fazer uma mix num festival do zero , agora esta fácil e rápido.

  • Custom Faders Banks de inputs e outputs com opção de fader safe e bank safe

  • 02 Flex Channels que pode assumir qualquer função que você programe

  • A maioria das opções podem ser gravadas por snapshot, ou seja as programações de bancos , customizações , ON / OFF de canais e demais automações podem ser gravadas no snapshot
    .

  • A/B Input Swap , você pode determinar uma segunda opção de input para uma mesma strip , ou seja você poderá colocar no mesmo canal de processamento o mic principal e o stand by.
    No caso de troca de mic basta alterar a fonte de sinal da strip , sem necessidade de COPY e PASTE de parâmetros , plugins e etc…

  • VCA para Auxiliares agora abaixar a banda toda ou um elemento da mix vai ficar mais fácil.

  • Algumas coisas me chamaram atenção na superfície de controle , como alguns botões enigmaticos:
    Logo abaixo de cada coluna de Encoders existe uma seta para direita e outra para esquerda, perguntando para que serviam foi me explicado pelo RYAN O JOHN ( Responsável pela criação dos fluxos workflow da console ) que elas dão acesso a funções escolhidas pelo usuário para aquele canal , como parâmetros do efeito insertado no canal ou parâmetros de plugins a ele relacionados.

    Outro par de botões enigmáticos eram os X e Y e o Triangulo localizados do lado esquerdo de cada fader:
    O X e Y podem ser programados para funções momentâneas daquele canal coisas como alterar o tempo do reverb da caixa de curto para longo, inserir um efeito especial na voz, soltar momentaneamente o passa alta do canal sua imaginação é o limite.
    Já o triangulo envia o fader correspondente para o Flex Channel

    Uma surpresa foi o indicador colorido do canal , que eu pensei ser somente um indicador colorido é, ele também mais um botão configurável.

    Depois de todas essas descobertas notei que o conceito da console e deixar o console do jeito que seu operador quer o seu workflow particular , realmente uma mudança e tanto no jeito de  operar as consoles VENUE,

O que ainda esta por vir ….

Matrix inteligente para monitor :

Em breve você poderá montar um matrix com uma mix stereo ( steam ) e envia-la para auxiliares, ou ainda montar uma rede de comunicação interna com produtores , roadies e etc e monitorar junto com o L/R do artista , com a possibilidade de insertar um plugin de compressor em modo DUCKING no matrix e triga-lo via sidechain ou seja o matrix sera mutado se ninguém estiver falando nada e você ouvirá somente a via do artista.

Security Levels
Para evitar troca de parâmetros importantes como saídas de matrix , outputs , instalações indesejadas etc…

Dual Monitor Output
Saídas de Monitor separadas , monitor para monitor e IEM para phones ou saída de CUE

Além da promessa do desenvolvedores do workflow da mesa, que as funções mais importantes terão o seu acesso at ravés da superfície em no máximo 2 passos.

Safe de canais entre cenas
Vai ser possível carregar uma nova cena e o locutor e o DJ continuar tocando.

Detalhes importantes:

A mesa não para mais o áudio ao colocar plugins, pois os plugins agora rodam numa placa separada, o processador do áudio só cuida do áudio e não mais do processamento dos plugins.

Possibilidade de troca do processador ( atualmente um INTEL I7 ) permitindo uma vida util longa ao produto, no caso de avanço no poder de processamento da linha I de processadores INTEL.

Espero agora ver o desempenho da nova console nas condições Brasil de trabalho, ai veremos sua robustez e resposta real aos usuários e suas necessidades. Outro item importante quando ele custará para nos brasileiros.

Ajudaram nesta review Ryan, Rocoto de Robert Scovil da AVID repondendo todos meus questionamentos e duvidas sobre a S6L

Lazzaro direto da NAB Show 2015 LasVegas

Share

Filed Under: LazzaroNoticiasReviews

Tags: , , , , , , , , , , ,

Leave a Reply




If you want a picture to show with your comment, go get a Gravatar.

*